Cadastre-se
 

Práticas

Meditação

O que é a Meditação?

MeditaçãoA Meditação consiste em práticas diárias ou semanais utilizando-se de reflexão, ponderação, com envolvimento na contemplação. Porém meditar é muito mais que pensar, ponderar, refletir ou contemplar.

Meditação é uma experiência viva e a compreensão consciente desta experiência, assim não abrange apenas os aspectos intelectuais, como também emocional e da alma.

Quanto mais praticamos a meditação, a compreensão de seu verdadeiro poder se transforma, sentimos resultados evidentes em nossa paz interior, na harmonia dos relacionamentos, na conquista tranqüila e natural de inúmeros objetivos pessoais.

Apenas meditando é que você permitirá traduzir do coração para a mente o que representa essa prática.

COMO SURGIU?

A Meditação é uma técnica bastante antiga, milenar na verdade. Ela surgiu na Índia a mais de 5.000 anos antes de Cristo, onde era praticada por uma civilização chamada védica e, desde então, tem sido transmitida por mestres aos seus discípulos que gradativamente se transformam também em mestres, passando a ensinar a novos discípulos e assim por diante.

As principais técnicas de meditação são: por concentração, respiração profunda, exame atencioso do corpo (cinestesia), exame minucioso de seres da natureza ou objetos (visual), repetição de nomes sagrados, mantras e orações (auditivo) e exercitando a imaginação.

A meditação é uma arte, uma experiência pessoal e individual, que exige de nós processos mentais sistematizados.

Meditação

QUAL É O OBJETIVO DA MEDITAÇÃO?

Ao estudarmos as várias escolas de práticas meditativas, notamos que são diferentes em alguns aspectos e se localizam em partes diferentes de nosso planeta, porém todas buscam uma forma de união, de síntese com uma realidade mais abrangente, que podemos denominar Deus, consciência cósmica, grande espírito, mente universal, pai-mãe universal, etc. União é, portanto uma palavra chave para definirmos meditação.
O seu objetivo é ser um meio ou um veículo no qual uma união acontece.

Esta união pode ser entre a personalidade da pessoa e sua alma, sua verdadeira essência, pode ser entre a alma individual e a alma grupal, entre o indivíduo e os demais indivíduos, entre o homem e a natureza, entre o homem e o planeta, entre o homem e Deus.

A verdadeira meditação acontece quando tocamos o silêncio mais profundo e verdadeiro de nossa alma e sentimos nossa união com tudo mais que existe. Quando esse momento acontece não temos palavras para defini-lo.

COMO A MEDITAÇÃO FUNCIONA E QUAIS OS SEUS BENEFÍCIOS?

Os benefícios da meditação variam desde os mais simples e óbvios (relaxamento físico maior) aos mais sutis e menos conhecidos (serenidade interior), mas todos eles servem de apoio aos seus propósitos maiores – aumento da energia e melhora da saúde.

Apresentamos a seguir os principais benefícios da meditação:

  1. Relaxamento Mental e Físico: em essência, a meditação é um exercício mental que o ajuda a alcançar um relaxamento profundo do corpo.
  2. Acuidade Mental Aguçada: como a meditação envolve atenção prolongada da mente num determinado ponto, a maioria das pessoas acha que ela aguça as faculdades mentais em geral e até as capacita a sustentar a atenção durante a realização das tarefas cotidianas.
  3. Objetividade: a meditação regular lhe oferece uma perspectiva de você mesmo, dos seus hábitos e dos seus comportamentos.
  4. Atenção Plena: quando medita, você aprende a manter a atenção em cada momento discreto que se apresenta. Você percebe cada respiração, pensamentos e impressão externa que toca os seus sentidos, objetivamente e sem julgamentos.
  5. Potencialidade: quando meditamos entramos em contato com nossa potencialidade plena, reconhecemos nosso poder interior, reconhecemos que somos parte de Deus.
  6. Quietude: a quietude é um estado interior que se produz tomando consciência do espaço entre os pensamentos e concentrando-se nesse intervalo entre as impressões.
  7. Respostas: muitas respostas aos nossos constantes questionamentos nos são dadas através da capacidade de ouvir nosso coração. Saímos da busca eloqüente pela pílula mágica, pela solução imediata e visualizamos soluções concretas para nossas dificuldades.
  8. Autoconhecimento: entramos em contato com quem somos realmente, identificamos nossa verdadeira essência sem medo, sem preconceitos.
  9. Quanto Mais Energia Mais Saúde: a meditação ajuda a livrá-lo das emoções negativas e das crenças limitadoras que são a raiz de muitas doenças físicas.
  10. Doação: contatamos nossa capacidade para amar e percebemos que somos parte de um universo muito mais amplo, do qual não podemos nos alienar. Lembramos o que havíamos esquecido e contatamos os segredos que revelam os mistérios da vida.

"Meditar é como voltar para casa depois de um longo dia de atividades.
Meditamos para voltar a algo de nós mesmos, que perdemos sem saber onde, quando, nem por quê.
"